quinta-feira, 4 de setembro de 2008

Vale a pena arriscar

Um dia cheguei a desacreditar no amor. Feriram meu coração, me fizeram chorar. Eu que guardava um belo sorriso, só transparecia dor! E não passava um dia sequer sem lamentar, sem demonstrar meu rancor. Meus amigos não sabiam mais o que fazer. É inacreditável como um sentimento pode abalar nossa estrutura! Não me conhecia mais, consegui me perder! No meio das lágrimas, me afundei na amargura. Continuei na esperança de esquecer. Mas quando finalmente parei para refletir. Vi que havia perdido meu tempo! Aqueles dias tristes que sem alegria vivi, me mostram agora a força que tenh, e me fazem acreditar que, mesmo errando, a gente só aprende tentando. Duvidar do amor ou não? Não sei. Prefiro apenas senti-lo! E se um dia por um momento nele desacreditei, tive bons motivos pra isso! Mas quem supera esquece, quem esquece amadurece. Vou buscar a felicidade, aquela que me procura, com alguém que ao meu lado mereça estar. Fugirei das desilusões, isso é loucura! De resto é só amar. E isso eu sei sem dúvida Pra ser feliz vale a pena arriscar!

Karla Moreno

2 comentários:

Mariana Tiné disse...

Cooom certeza vale a pena arriscar, viver, mesmo que você caia...Li certa vez isso e gostei "caia 7 vezes e levante 8", no meio dessas quedas e levantadas, você sempre vai ver que aprende algo e o principal: que seus amigos de verdade não a abandonam nunca!!!!!
=)

Beijos, escrimorena!

O Profeta disse...

Onde acaba a terra e começa o Mar
Há um lugar onde vive a ilusão
Repousa na madrepérola das conchas
Com a forma de um coração

Onde as giestas se agarram à areia
Onde as pedras têm diadema de algas
Onde o Mar conta histórias longínquas
Onde as vagas soltam distantes mágoas


Bom fim de semana


Mágico beijo