quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

Vale a pena sentir saudade

Sinto sua falta como se faltassem roupas pra me vestir, cabelos pra me pentear, dentes pra sorrir, olhos pra enxergar, dedos, boca, pés, pra tocar, falar e andar. Sinto sua falta como sinto a ausência do sono na hora de dormir, da comida na hora da fome, da água na hora da sede, ou de um cobertor, num dia frio, pra me cobrir. Mas mesmo na ausência consigo sentir sua presença, porque sem você, até eu me ausento de mim. Então somos dois perdidos, na memória oculta de um momento só nosso. Até o dia que, finalmente, as lembranças somem e você vem me ver. Não me falta mais nada, eu já te sinto aqui e em toda parte. Não sinto mais sua falta, e confesso: vale a pena sentir tanta saudade.

Karla Moreno

5 comentários:

Madamefala disse...

A saudade é excrucitante, mas ao mesmo tempo deliciosa....tem seus dois pólos.


beijos menina!

p.s.belas fotos.

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

Lindíssimo poema...
Abraços

manzas disse...

Obrigada pelo comentário, fico grato...

Perfeito…

Passei para desejar um óptimo fim-de-semana…

O eterno abraço…

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

Existe um lugar onde
todos os sonhos se realizam
a Felicidade é constante
e o sentimento maior é o Amor
este lugar é o seu Coração...
Procure nele e você
encontrará as respostas pra tudo.
Bom final de semana

Bill Stein Husenbar disse...

É bom sentir saudades..

http://desabafos-solitarios.blogspot.com/